330 jovens aprendizes iniciam ano letivo no SENAI

Notícia Hoje

Notícia Hoje

As informações mais atualizadas de Santa Catarina, do Brasil e do Mundo!

Compartilhe

Nesta segunda-feira (5), o SENAI/Caçador abriu suas portas para receber mais de 330 jovens aprendizes dando início ao Ano Letivo 2018. Os preparativos para esse momento aconteceram nas duas últimas semanas em que a equipe docente esteve reunida para planejar ações, atualizar conteúdos e elaborar aulas cuja prática profissional seja evidenciada.

“Para nós é uma satisfação receber esses jovens em nossas dez novas turmas de Aprendizagem Industrial. O SENAI está cada vez mais alinhado às necessidades das indústrias, que participaram com a gente na discussão dos projetos dos cursos e nos orientaram sobre o que ofertar para melhor atende-las”, informa Carlos Eduardo Schuller, coordenador do SENAI/Caçador.

O primeiro dia de aula é bastante intenso. Todos são recepcionados e participam de uma aula inaugural que apresenta como é a rotina da escola, suas regras e oportunidades de aperfeiçoamento.

 

“Somos o laboratório da indústria e pela nossa metodologia de ensino profissionalizante, temos que apresentar um ambiente tal qual o que eles irão ver nas empresas quando ingressarem no Mercado de Trabalho. É a nossa integração e isso é importante para o desenvolvimento deles. Hoje eles não são apenas alunos; são colaboradores das indústrias caçadorenses”, reforça Schuller.

Todos os alunos receberam o uniforme da Aprendizagem Industrial e foram cadastrados e fotografados. “Temos um ano repleto de motivos para que esses jovens vivenciem experiências positivas, de crescimento pessoal e, principalmente, de projeção de carreira. O SENAI orgulha-se por fazer parte da vida deles e por ser parceiro da nossa comunidade”, argumenta o coordenador.

Oportunidades para técnicos

Outro trabalho alinhado com as indústrias é a oferta de Cursos Técnicos, que estão nos últimos dias de inscrições abertas. São duas opções de cursos para quem deseja se capacitar em Caçador: Curso Técnico em Mecânica e Curso Técnico em Eletrotécnica. As aulas iniciam em 19 de fevereiro, no período noturno.

“A capacitação técnica é a que mais vem sendo exigida pelo Mercado de Trabalho. Pessoas com essa formação não apenas são bem vistas pelas empresas, mas são necessárias e estão cada vez mais sendo chamadas para comporem equipes e garantirem o bom andamento dos parques fabris. A média salarial de um técnico ultrapassa R$ 2 mil e o currículo de quem opta pelo SENAI é o mais bem aceito nas empresas. ”, conclui Carlos Schuller.

Receba notícias, diariamente.

Salve nosso número e mande um OK.

Ao entrar você está ciente e de acordo com todos os termos de uso e privacidade do WhatsApp