Notícias de Caçador e Região

Polícia acredita que rapaz encontrado morto em cooperativa tenha sido assassinado

 

A Polícia Civil de Caçador está investigando a morte suspeita de um rapaz encontrado na manhã de sábado, 12, em uma cooperativa, em Lebon Régis. Segundo a delegada Milena Rosa, a suspeita é que Jaisson Gomes Pinto, 26 anos, tenha sido assassinado e a causa da morte pode ter sido traumatismo craniano.

A delegada comentou que foram acionados na manhã de sábado pela equipe policial de Lebon Régis para atender inicialmente a um acidente de trabalho, onde resultou em uma morte. Porém, ao chegar no local acompanhada do IGP, foi constatado que a vítima apresentava ferimentos na cabeça.

Por conta das lesões, foi descartada a hipótese de acidente de trabalho, levantando a suspeita de morte criminosa. Segundo a perícia, em avaliação preliminar, Jaisson pode ter sido golpeado na cabeça com uma barra de ferro.

A delegada revelou ainda que o caso será investigado pela Divisão de Investigação Criminal de Caçador (DIC), mas já tem algumas linhas de investigação traçada. Uma delas é do acidente na SC-350, entre Lebon Régis e Caçador onde outro funcionário da mesma empresa veio a óbito ao colidir em uma árvore.

 

Veja Também

Comentários estão fechados.