Notícias de Caçador e Região

Luciano Hang sobre atos de terrorismo: “Não doei e não incentivei”

O empresário Luciano Hang, dono da Havan, manifestou-se sobre o atentado à democracia que destruiu os prédios dos três poderes em Brasília. Em nota, diz que não tem nenhuma relação com os atos golpistas, que não tem “político de estimação” e que estará “ao lado de todos os projetos que ajudarem o nosso país”.

Este é o segundo posicionamento de Hang em que ele procura se afastar das manifestações antidemocráticas nesta semana. Um dos mais ativos empresários bolsonaristas do país, o bilionário catarinense já havia publicado uma nota desejando sucesso ao novo governo.

“Jamais apoiei ou apoiaria atos de violência e vandalismo. Não doei, não participei e não incentivei nenhum tipo de ato contra a democracia, tampouco contra prédios públicos”, diz trecho do comunicado.

Com informações Metrópoles 

Veja Também

Comentários estão fechados.