Notícias de Caçador e Região

Jorginho Mello exonera mais de 1,5 mil cargos comissionados da gestão Moisés

O governador de Santa Catarina, Jorginho Mello (PL), exonerou e dispensou, na segunda-feira (2), 1.542 pessoas que faziam parte do governo de Carlos Moisés. Os atos foram publicados no DOE (Diário Oficial do Estado).

Tratam-se de servidores não efetivos nomeados para cargos comissionados. Outras centenas de servidores efetivos designados para funções gratificadas foram dispensados.

Jorginho Mello já havia anunciado que faria uma grande exoneração coletiva e estruturaria uma nova equipe para sua gestão à frente do Executivo. A previsão é de que nos próximos dias sejam divulgadas novas nomeações.

Na primeira edição ordinária do DOE do ano, Jorginho fez 17 nomeações entre secretários de Estado e comandantes da PMSC (Polícia Militar de Santa Catarina) e CBMSC (Corpo de Bombeiros Militar de Santa Catarina). Também foi nomeada a nova presidente da FCEE (Fundação Catarinense de Educação Especial), Jeane Probst Leite.

Em coletiva de imprensa, logo depois da posse, Jorginho Mello enfatizou que escolheu um time de primeira, com secretários qualificados para lhe ajudar na condução do governo. “Isso faz com que o nosso governo assuma esse grande compromisso de realizar, fazer entregas”, registrou o governador.

“Não estou com pressa, tenho que nomear diversas pessoas ainda, mas não quero fazer nada de afogadilho, porque todas as funções são importantes e tem que ser um time unido e coeso para que possamos entregar o que assumimos na campanha”, completou.

Com informações ND Mais 

Veja Também

Comentários estão fechados.