Notícias de Caçador e Região

Fically cogita não concorrer as eleições deste ano – Por Jonathan Ribeiro

O vereador Itacir Fioreze, o Fically (PP), levantou uma dúvida esta semana, se irá concorrer a reeleição ou não. Segundo fontes, ele estaria em cima do muro quanto ao pleito deste ano, levantando inclusive outras hipóteses.

O vereador é um dos nomes mais fortes dos progressistas, podendo obter grande votação.

Em contato com o próprio vereador, ele disse que a princípio é candidato e o seu nome está a disposição do partido, entretanto, a certeza só terá nesta sexta-feira, 11, quando acontece a convenção do PP.

Na semana passada, falei nesta coluna sobre o fato de o PP possivelmente concorrer em chapa pura, ou seja, sem coligação, mas um dos motivos era a falta de interesse dos outros partidos.

O próprio pré-candidato a prefeito, Rubiano Schimitz, entrou em contato alegando que não é verdade que os outros partidos não queiram coligar com o PP. Ele disse ainda que já tem tratativas com partidos, sendo que alguns não tem interesse algum em parceria e outros ficou de conversar em momentos oportuno, mas garantiu que a vontade do PP é uma eleição em chapa pura.

Republicanos se junta com a chapa do MDB

Em uma reunião entre os Republicanos (nem sabia que existia este partido em Caçador) e o MDB, os dois partidos fecharam parceria para a chapa encabeçada por Silvane Panceri, para as eleições deste ano. O MDB já tem o PL, Patriota e agora o Republicanos.

Mas o que me chamou a atenção não foi a coligação, e sim os integrantes deste partido, até então desconhecido. Na foto está o Adriano de Souza, conhecido na cidade como marido-secretário, cargo que ocupou no mandato do ex-prefeito Beto Comazzetto.

O mais engraçado é que nas eleições de 2012, estava no PTB, onde ocupou um cargo na gestão passada por pouco tempo e depois por escolha própria passou a ocupar um cargo criado por ele mesmo, pois a sua esposa era secretária de saúde e sua saída da pasta foi meio trágica.

Já em 2016, ele estava concorrendo às eleições pelo Solidariedade, partido fundado por ele mesmo na cidade, sei disso porque fui cobrir o lançamento da sigla na cidade e o partido também não decolou. Agora, no Republicanos. Será que o problema são os partidos ou a pessoa que não é muito bem quista?

Vale ressaltar que o mesmo está com algumas investigações em andamento e com bloqueio de bens da época em que ocupava o cargo de marido-secretário.

Candidatos ‘milagreiros”

Nos últimos dias, quem acompanha as redes sociais percebeu o aumento de “candidatos milagreiros”, com um celular percorrendo a cidade mostrando “os erros”. Mas engraçado que até poucos meses atrás eram anônimos e ninguém os conhecia. Talvez por questão pessoal deles mesmo e a cidade estava tudo certo. Agora, vésperas das eleições, resolveram sair da toca e tentar emplacar uma campanha polêmica com vídeos atacando os adversários e mostrando os “erros”. Mas, um alerta, esta técnica já foi testada nas últimas duas eleições e quem tentou isso não terminou muito bem. Então, melhor não levar a sua campanha para este lado.

Por hoje era isso, pessoal!
Que os jogos comecem!!!

Informações, sugestões ou dicas podem ser enviadas pelo e-mail [email protected] ou pelo WhatsApp 49 9 9907-8919

Veja Também

Comentários estão fechados.