Notícias de Caçador e Região

Caçador receberá primeiro curso presencial da Udesc na região

O município de Caçador receberá o primeiro curso de graduação presencial do Centro de Educação Superior do Meio-Oeste. O curso escolhido para a estreia presencial no município será o de Sistemas de Informação.

As aulas devem iniciar apenas no segundo semestre de 2023. Para ingressar no novo curso haverá duas possibilidades, o Vestibular de Inverno 2023 e a segunda edição do Sisu do ano.

O Meio-Oeste do Estado era a única região catarinense onde a Udesc (Universidade do Estado de Santa Catarina) ainda não tinha um centro de ensino presencial. A resolução foi assinada na sexta-feira (23), pelo reitor da Udesc, Dilmar Baretta.

A justificativa do curso é a alta demanda do setor tecnológico que tem crescido nos últimos anos, com ampla demanda de profissionais qualificados.

O que diz o ofício?

Os pró-reitores de Planejamento, Alex Fabrin, e de Ensino, Gabriela Mager, afirmam no ofício que o curso vai “ao encontro das demandas da sociedade, com a farta oferta de empregos no estado para este setor. Com a previsão de crescimento do setor de tecnologia na região do Meio-Oeste, acompanhando o crescimento da economia digital em Santa Catarina, um dos mais fortes estados do Brasil neste segmento”.

As pró-reitorias destacaram também que o impacto orçamentário e financeiro já foi aprovado pela Câmara de Administração e Planejamento do Consuni. No entanto, o pedido de vista do processo do projeto pedagógico no Plenário do Consuni por um conselheiro de representação docente e o fato de a próxima sessão ocorrer somente em março tornariam inviável o início das atividades do curso de Sistemas de Informação em Caçador no segundo semestre de 2023.

Conforme o ofício, “as próximas etapas do planejamento pedagógico para a abertura do curso são o lançamento de processo seletivo para contratação de professores, bem como o processo seletivo para o ingresso de estudantes via vestibular, que precisam de tempo para preparação e tramitação dos editais, publicação e seleção dos aprovados. Para dar início a estas etapas, é necessária a aprovação do Projeto Pedagógico do Curso pelo Conselho Universitário”.

Com informações ND Mais 

Veja Também

Comentários estão fechados.