Notícias de Caçador e Região

RETROSPECTIVA: 2016, ano marcado por serial killer e homicídios brutais

2016 foi definitivamente o ano das tragédias em todo o mundo. Caçador não ficou de fora e também registrou diversos crimes brutais, acidentes com mortes e aumento significativo na criminalidade, assim como em toda região.

SERIAL KILLER EM CAÇADOR

Fabio da Silva é acusado do crime

Os crimes que mais chamaram a atenção em 2016 foram os de mortes brutais, entre eles os cometidos pelo suposto serial killer caçadorense. As investigações iniciaram após o desaparecimento de um jovem que foi encontrado esquartejado dias depois. Logo depois a morte de uma mulher desaparecida também foi associada ao suposto serial killer, o jovem Fábio da Silva, de 22 anos. Ela teve seu corpo dividido em duas partes e seios arrancados de forma brutal.

Após as investigações e reconstituição dos crimes a prisão preventiva de Fábio foi decretada. No fim de 2016 foi anunciado que o jovem passará por exames mentais.

FILHA E EX-NAMORADO MATAM MÃE

valéria

Outro crime que assustou foi o caso da filha e ex-namorado acusados de matar a própria mãe. A jovem, Valéria Ribeiro da Silva conseguiu os medicamentos com Leandro Matheus Alves Negretti e teria aplicado na mãe, que era portadora de necessidades especiais. Priscila de Fátima Ribeiro, de 24 anos, sobrinha da vítima, teria participado do crime.

O desaparecimento de um tio da suspeita de autoria do crime foi o que levou até a descoberta do homicídio. A Polícia Civil divulgou um diálogo entre os suspeitos do crime onde Valéria diz que se não matasse a mãe não conseguiria reatar com o ex namorado.

MORTE DE PROFESSORA

vanderleia desaparecida

E os crimes brutais não pararam por aí. Ainda em 2016 a morte de uma professora mobilizou grande parte da comunidade caçadorense. Vanderléia Birnfeld Fernandes desapareceu após dar aula. Seu carro foi encontrado logo depois em um estacionamento da cidade.

Amigos, familiares e alunos da professora organizaram uma manifestação para tentar encontrar Vanderléia. Dias após investigações a Polícia Civil prendeu o autor do homicídio, José Carlos, e encontrou o corpo da vítima em Calmon. O acusado do crime percorreu mais de 8 mil quilômetros pelo Brasil tentando fugir da Polícia.

José Carlos seguiu a professora até o estacionamento onde seu carro foi encontrado. O acusado usou uma fita para amarrar a professora para que ela não conseguisse sair do veículo, enquanto ele saia de Caçador rumo a Brasília. José Carlos matou a professora alguns quilômetros antes do posto da Polícia Rodoviária de Calmon.

Ele foi preso e condenado a 28 anos de prisão pelo crime.

 

 

HOMICÍDIOS

Os homicídios foram os crimes mais brutais que aconteceram em 2016. E não foram poucos, pelos motivos mais variados e motivos torpes.  Relembre alguns:

No início do ano um homem matou sua esposa e logo depois se matou, em Concórdia. Um jovem foi morto após arrombar uma residência. Videirense foi morto a golpes de facão em Fraiburgo. Jovem de 17 anos foi morto a facadas. Outro jovem, de 22 anos, foi morto também a facadas em Fraiburgo. Em Calmon um ex-vereador foi preso acusado de tentar matar outro ex-vereador.

Um idoso morreu agonizando em frente a sua casa após levar 3 facadas no pescoço. Uma mulher foi encontrada morta no pátio de sua residência e um jovem de 26 anos foi assassinado em Lebon Régis. Em Rio das Antas, um jovem foi assassinado a facadas e também um idoso foi morto a tiros no interior de Caçador.

VÍTIMAS DO TRÂNSITO: ADIEL E KISMAR BRUSTOLIN

adiel

Duas mortes de caçadorenses conhecidos marcaram e deixaram os dias cinzas em Caçador. Foram perdas irreparáveis que comoveram familiares, amigos e conhecidos das vítimas.

Adiel sofreu um grave acidente de moto no elevado do PET. Ele ficou internado durante dias na UTI e morreu após uma parada respiratória.

Kismar também morreu após um acidente de trânsito. Ele foi esmagado após o carro em que estava capotar na ponte coberta.

morte-kismar

 

MORTES NO TRÂNSITO

O trânsito fez várias vítimas durante 2016 em Caçador.  Foram jovens, idosos e crianças que perderam a vida após graves acidentes e atropelamentos.

Uma criança de 5 anos morreu atropelada por um caminhão. Um jovem atirador também morreu após acidente de moto na Perimetral Norte. Uma mulher perdeu sua vida em um grave acidente e outra morreu após acidente envolvendo caminhão.

Um motociclista também morreu em um acidente entre Caçador e Rio das Antas.

REGIÃO

Não foi só Caçador que sofreu com a criminalidade em 2016. Toda a região foi alvo de assaltantes, acidentes graves, crimes torpes e outras tantas ocorrências de segurança. Relembre algumas:

Mulher joga álcool e ateia fogo no marido

Tragédia: Acidente na BR 282 deixa mãe e filha mortas

Grave acidente mata uma pessoa na BR 116

Homem morre em grave acidente em Videira

4 pessoas morrem e 9 ficam feridas em acidente envolvendo ônibus e carreta

Cinco pessoas morrem em acidente na BR 282

Motociclista morre em acidente na BR 355, entre Fraiburgo e Videira

TRAGÉDIA: Sete pessoas mortas em acidente na BR 153

Jovem, de 14 anos, leva tiro na cabeça em Santa Cecília

Morre jovem atingida por tiro na cabeça

Mulher morre atropelada por retroescavadeira na Taquara Verde

Motociclista sofre acidente e fica pendurado pela perna em cerca, em Videira

Morre jovem que ficou pendurado em cerca depois de acidente de moto

ESTUPROS

Crime aconteceu em Macieira (Foto ilustrativa)

Os casos mais nojentos e sem explicações continuam sendo os de estupro. Em 2016 não foi diferente.

Preso acusado de estupro em Caçador

Menina mente que foi estuprada para evitar que mãe soubesse de festa

Homem de 51 anos é acusado de molestar criança de 6 anos

Preso acusado de estuprar criança de 2 anos em Caçador

Preso acusado de estuprar criança de 3 anos

Cadela é vítima de estupro e acaba morrendo

Cadela é estuprada em Caçador

Pai é preso suspeito de estuprar filha de 10 anos, em Caçador

Pai e sobrinho são presos suspeito de estuprar deficientes, em Caçador

Padrasto, suspeito de estuprar enteada de 5 anos, é preso

ASSALTOS A BANCOS

Desta vez usando um maçarico para a abertura do cofre do terminal eletrônico.

Não foram poucas a ocorrências de assaltos a bancos na região. A maioria pela ação de caixeiros com explosões de caixas eletrônicos de diversas agências, inclusive em Caçador.

O primeiro assalto foi em Campos Novos, onde um suspeito foi preso. A mesma quadrilha agiu em Caçador dias depois. Ladrões levaram R$ 60 mil do Bradesco de Ibicaré e outros levaram mais de R$ 200 mil de duas agências.  Outros bancos foram alvo em General Carneiro, Lebon Régis, Tangará, Monte Carlo e Videira.

As explosões de caixas eletrônicos também foram bastante comuns.

 

LATROCÍNIO NA TAQUARA VERDE

baleado-costas

A morte de um comerciante após um assalto assustou moradores da Taquara Verde. O homem morreu após ser atingido por um tiro de espingarda calibre 12.

Os assaltantes conseguiram fugir do local e roubaram um veículo no Posto da CIDASC momentos depois do crime. Um deles foi preso e outro cometeu suicídio após um assalto no RS.

POLÍCIA CIVIL

13663554_1830715117151828_1456723328_o-1-660x330

Diversos crimes cometidos em Caçador e região foram solucionados pela Polícia Civil que teve papel importante nas investigações. Ainda assim várias operações contra quadrilhas de furtos e tráfico de drogas foram realizadas.

No início do ano a Polícia Civil realizou a maior operação contra tráfico de drogas em Caçador. Graças a Polícia Civil 3 suspeitos de tráfico foram presos e 100 pedras de crack apreendidas. Também pela ação da Polícia Civil uma quadrilha especializada em roubo a residências foi presa e 21 mandados de busca e apreensão foram cumpridos no combate ao tráfico.

 

POLÍCIA MILITAR

policia-militar-batalhao

A Polícia Militar também teve papel importantíssimo durante todo o ano de 2016. Mesmo com baixo efetivo a PM foi responsável por atender diversas ocorrências e prisões.

Um fato marcante para a PM caçadorense em 2016 foi quando seu comandante foi encontrado morto no batalhão. O comando da PM passou pelo capitão Rafael Batista  que logo depois foi entregue para o major Renato Leandro de Medeiros.

O PROERD continuou sendo destaque nas escolas caçadoreses, formando mais de 1000 alunos em duas cerimônias de formatura.

BOMBEIROS VOLUNTÁRIOS: A CORPORAÇÃO QUE SALVA VIDAS

parto-residencia

Os Bombeiros Voluntários continuaram sendo o orgulho do povo caçadorense em mais um ano. Diversas foram as vidas salvas pela ação rápida e de excelência dos Bombeiros Voluntários de Caçador.

O ano de 2016 não iniciou bem para a corporação com a morte de Dirceu Camatti e quando um jovem de 15 anos depredou uma ambulância. Neste mesmo ano a corporação comemorou seus 45 anos de prestação de serviços.

Diversas vidas chegaram ao mundo através das mãos dos Bombeiros Voluntários em partos de emergência. Relembre:

Bombeiros de Caçador realizam parto de emergência

Bombeiros Voluntários de Caçador realizam parto de emergência em residência

Bombeiros Voluntários realizam parto em residência

INCÊNDIOS

Incêndio na Vila Santa Catarina foi criminoso
Incêndio na Vila Santa Catarina foi criminoso

A ação dos Bombeiros Voluntários em salvar vidas não parou por ai. Em 2016 diversos incêndios foram registros das mais diversas formas no município.

VÍDEO: Morte e incêndio na Páscoa, em Caçador

VÍDEO: Bombeiros salvam residência depois de incêndio criminoso em barracão, em Caçador

VÍDEO: Incêndio criminoso em pneus destrói pavilhão no Assentamento, em Caçador

VÍDEO: Família do Mutirão perde tudo em incêndio de residência

VÍDEO: Bombeiros de Caçador evitam que incêndio em vegetação atinja residências

VÍDEO: Incêndio atinge pátio municipal de veículos apreendidos, em Caçador

VÍDEO: 60 veículos foram atingidos no incêndio do pátio municipal

VÍDEO: Incêndio destrói residência no Gioppo, em Caçador

VÍDEO: Incêndio destrói empresa de comunicação visual no Gioppo, em Caçador

VÍDEO: Família que perdeu casa em incêndio precisa de ajuda

VÍDEO: Incêndio destrói depósito de materiais recicláveis no Bom Sucesso, em Caçador

VÍDEO: Incêndio criminoso destrói casa no bairro Martello, em Caçador

VÍDEO: Incêndio na madrugada destrói residência na Luiz Tortatto, em Caçador

AFOGAMENTO

menino-afogado

Infelizmente a ação dos Bombeiros Voluntários não foi somente de salvar vidas. No final de 2016 eles foram os responsáveis por encontrar o corpo de um menino que morreu afogado no Rio do Peixe. O tio do garoto que levou ele até o local era foragido de uma Colônia Penal.

CHUVAS

Do ponto de vista de outros anos, as chuvas em 2016 foram favoráveis em Caçador, já que não causaram nem 10% dos estrados causados em outros anos.

Vendaval causa estragos em Caçador

VÍDEO: Temporal derruba árvores e causa muitos estragos em Caçador

Carro é destruído por árvores no interior de Caçador

Vídeo impressionante mostra queda de árvore na Pista Olímpica, em Caçador

VÍDEO: Temporal deixa várias regiões de Caçador embaixo d’água

VÍDEO: Caçador registrou maior quantidade de chuvas no Brasil, de acordo com o INMET

O mesmo não pode ser dito para cidades da região.

Forte chuva alaga Centro de Concórdia

Santa Cecília fica alagada após chuva

VÍDEO: Lama invade e interrompe pista da SC 350, entre Caçador e Taquara Verde

Chuva causa estragos e prejuízo em diversas cidades da região

Videira também está na lista das cidades atingidas por chuva intensa na madrugada

trevo-todas-materias

wpp

 

Veja Também

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.